Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tu importas

Tu importas

19
Fev20

Ela saiu a correr do bar e deixou tudo para trás,

Rute Borges

as saudades do tempo que poderiam ter vivido, os olhos molhados que pousam na foto que a parede cansada ainda mostra. Não desistiu, ao contrário do que as vozes da ignorância gritam, escolheu o caminho que teimam em afirmar de louco. "Loucos são vocês, aí sentados nesse bar, a olhar a mesma foto e a falar das saias curtas e olhos vazios que desfilam." Ela queria mais da vida. "O que queres mais?" " Nunca irias perceber, pois apenas vês o que as palas te permitem ver. Fecha-te na caverna, pois só saberás viver no mundo das sombras, nunca aguentarias ver o sol que busco ver. Tu aí és senhor, pedir-te mais é loucura, minha. Só não me peças para ficar, preciso de sentir o sol, a chuva, o ruído, a magia, a fantasia, o vento. Não entendes pois não? Tal como não entendo como te chega ficares aí..." E essas foram as suas últimas palavras que se ouviram em eco naquela sala vazia ou cheia, depende de quem a olhava...

caverna.jpg

 

18
Fev20

Ela

Rute Borges

Quando deixaste de ser tu? Em que momento a menina esquimó de cabelos e pele escura deixaste de ser tu? Em que passo te distanciaste dela? Em que escolha a sufocaste? Em que noite a abandonaste? Em que buraco a escondeste? Em que nevoeiro a perdeste? Com que tinta lhe roubaste as impressões digitais? Em que esquina lhe furtaste a segurança? Escuta, ela está a chamar por ti... está perdida e tu és a adulta da parelha, tens de a encontrar. Leva um cobertor, ela diz que tem frio. Passa na mercearia e leva laranjas, ah e um girassol, ela adora, lembraste? Fá-la sorrir. Ela precisa de sorrir. E do cobertor e das laranjas e do girassol. E de ti. Não precisas dela? Já nem sabes o efeito do girassol.

19.jpg

 

13
Fev20

Cartas

Rute Borges

Hoje já escrevi várias cartas para ti.

Todas elas com mensagens do que gostava que o futuro nos reservasse. Mensagens de amor, raiva, medo, perdão, desejos, vontades, ansias...

Cada carta que escrevi coloquei na picadora para desaparecer e ninguém a poder encontrar, para ninguém nem sonhar com aquilo que mais quero mas que já não posso, não vale a pena dizer.

Tenho de desejar diferente, tenho de querer diferente para mim.

E zumba... máquina com ela.

Ninguém colará os bocadinhos e ninguém nunca saberá o que me vai no coração.

14.jpg

 

13
Fev20

Analogias

Rute Borges

Hoje a conversar com um amigo, explicava-lhe a analogia da máscara de oxigénio dos aviões e a vida.
Conheces?
Quando estamos num avião as assistentes de bordo explicam que quando há crianças devemos sempre colocar a máscara a nós próprios primeiro e depois às crianças, pois só assim as podemos ajudar.
Assim é na vida, não ajudes ninguém sem a “máscara” posta, pois se o fizeres ficarás sem oxigénio para ti e por consequência a outra pessoa ficará também em défice. Cuida de ti, trata de ti, em primeiro, logo depois poderás ajudar o teu mundo inteiro!
Esta é a minha analogia de eleição.
Lê, relê e guarda bem no centro do teu coração. 🖤

13.jpeg

 

12
Fev20

Última noite

Rute Borges

Passei uma noite difícil... perdida nos meus pensamentos.

O sono demorou a chegar, visto a alma estar aos saltinhos na incerteza de um futuro.

Decisões que se tomam e que custam a engolir. Sempre me considerei uma pesssoa que adora mudanças, mas quando o incerto surge, mesmo que ache que é o certo, dá-me um aperto no peito.

Como será o futuro? Consigo me desprender do passado por mais que ele ser doloroso?

Talvez um quê de masoquista me assombre... tenho uma dificuldade imensa em largar, em desistir. Mas será mesmo uma desistência ou será uma decisão do melhor para mim mesma?

Esta noite, foi assim, difícil...

12.jpg

 

 

11
Fev20

Era bom...

Rute Borges

Gostava que falasses, que me dissesses, que fizesses, que quisesses...

Gostava, mas não é real, é apenas um gostar meu, que tudo fosse diferente, que o passado longínquo fosse presente, que tudo estivesse diferente, lá onde os sonhos eram reais e onde a vida cavalitava a trote.

Tenho saudades desse tempo, onde era uma miúda que me reconhecia no espelho, que tinha orgulho em quem era, que conseguia lutar pelos seus objetivos.

Hoje estou definhada, sou apenas um bocado de mim... Onde está o resto? Por baixo de que pedras te escondes? Como deixei eu que me levassem parte de mim?

Ainda agora o espelho me disse: procura onde estás! Vai à luta por quem queres voltar a ser!

Falta a coragem. Só queria que falasses, que  me dissesses, que fizesses, que quisesses...

2.jpg

 

 

 

10
Fev20

Há dias que acordas de um sono profundo...

Rute Borges

A minha vida sempre foi pautada por relações longas e tantas vezes dolorosas no final... tenho dificuldade em terminar relações, talvez porque acho sempre que há qualquer coisa que podemos fazer ainda. Podemos sempre ser melhores, os outros podem sempre ser melhores.

Mas nem sempre é assim... nem sempre podemos ser melhores, ali naquele ponto, os outros nem sempre podem ser melhores, ali naquele ponto. Aquele ponto, é o que nos diz o que está bem e o que está mal. 

Gosto de pessoas de verdade, de relações de verdade, de lealdade, de cumplicidade... Estar numa relação é mais que sermos fiéis, é sermos leais e cumplices.

E quando deixamos de o ser? Quando uma parte da relação ou até mesmo as duas deixam de o ser? O que sobra? Não há atração física, tesão, amor que sobreviva.

Quando deixas de te sentir protegida, deixas de te sentir amada, quando te escondem a verdade, quando há subterfúgios, malvadez, mentiras, o que sobra?

"Não, nada disso é verdade." "Imaginas coisas." "Não estás bem!" "Precisas de te tratar."

É isso que ouves quando afinal estavas certa. A relação torna-te numa pessoa louca e doente, mesmo que não sejas louca e doente transformaste, pois é exatamente isso que te fazem sentir.

Não deixo mais que me façam mal, que me façam sentir e "ser" louca e doente. Sei bem o que vi e como fui tratada. Não permito nunca mais na minha vida que alguém me trate assim. Quando te relacionas com alguém perturbado e doente acabas (se deixares) por te tornar nessa pessoa.

Quero ser mentalmente saudável, pois acredito que só uma pessoa mentalmente saudável consegue ser feliz.

Não deixes que te adoeçam. Eu deixei e não deixo mais. 

12.jpg

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D